20/04 - Manoela Alcântara / Metrópoles


É alta a expectativa do setor produtivo do Distrito Federal em torno de uma proposta do Executivo que regularize e promova mudanças nas regras do Programa de Apoio ao Empreendimento Produtivo do Distrito Federal. Empresários têm cobrado do Governo do Distrito Federal as alterações, em benefício de aproximadamente 9 mil empreendedores locais, entre ativos e inativos do Pró-DF. 

A equipe da Secretaria de Economia e Desenvolvimento Sustentável, ainda na gestão do ex-secretário Arthur Bernardes (PSD), preparou minuta de um projeto de lei e a encaminhou ao governador Rodrigo Rollemberg (PSB). No entanto, segundo a assessoria do GDF, o documento não está na Casa Civil. O órgão não soube informar onde ele está nem quando será analisado pelo chefe do Executivo.

Uma situação tensa, que pode prejudicar as relações entre governo, empresariado e até o Legislativo local. Durante a posse do sucessor de Arthur Bernardes, Antônio Valdir Oliveira, o governador chegou a ser cobrado publicamente pelo presidente da Câmara Legislativa, Joe Valle (PDT), sobre o aperfeiçoamento das regras do Pró-DF.


Use o APP do Contabilidade na TV e mantenha-se informado!

0 comentários:

Postar um comentário