20/03 - Contabilidade na TV


O empresário goiano ganha o serviço de abertura de empresas on-line mais completo do Brasil. A afirmação é do presidente da Junta Comercial do Estado de Goiás (Juceg), Rafael Lousa, em entrevista ao vivo ao programa Bom Dia Goiás, da TV Anhanguera. O novo Portal do Empreendedor Goiano permite, desde o dia 10 deste mês, que todo o processo de abertura de empresas no Estado ocorra pela via digital.

Lançado com a presença do governador Marconi Perillo no Valor Vupt Empresarial, o Portal do Empreendedor Goiano se propõe a reduzir o número de etapas do processo de abertura de oito para até três, o acompanhamento virtual pelo empresário e a redução de metade do tempo (dependendo do tipo de negócio). “Queremos melhorar o ambiente empresarial goiano para criar mais empresas e com isso fomentar o emprego e renda em Goiás”, disse.

Rafael explicou que o Portal do Empreendedor Goiano dará à Juceg a capacidade de atender empresários e contabilistas de forma totalmente eletrônica, sem a necessidade de deslocamento a um ponto de atendimento. O usuário vai obter dos demais órgãos de registro, tributários, de licenciamento e prefeituras, através do mesmo endereço eletrônico, todas as inscrições, certidões e alvarás necessários ao funcionamento do seu negócio.

Na entrevista, o presidente da Juceg explicou que, logo na constituição do negócio, a Junta receberá os dados digitados pelo empreendedor no sistema. “O usuário contará, assim, com a opção de inserir e assinar eletronicamente os documentos, não precisando mais se deslocar. O sistema remeterá o processo diretamente à rede de analistas da Junta espalhada pelo Estado, que iniciará a avaliação imediatamente.”

Junta Digital

Caso o usuário prefira entregar fisicamente sua documentação, a Juceg protocolará e digitalizará o processo na entrada, no Valor Vupt Empresarial, para que sua tramitação também possa ser de maneira 100% virtual. “Somos uma Junta Digital”, afirmou.

O novo sistema, sem o transporte físico dos malotes e o uso de papel, reduzirá custos para todos os envolvidos, será mais responsável ambientalmente e reduzirá os prazos de abertura de empresas de dias para horas. “Ao final, o usuário obterá, via internet, seu contrato chancelado eletronicamente, seus certificados de CNPJ e de contribuinte estadual ou municipal.”

Custos reduzidos

Por meio do compartilhamento de informações, da simplificação e automação de seus fluxos de trabalho, os demais entes públicos que aderirem ao projeto poderão reduzir seus custos operacionais e oferecer o mesmo conforto, agilidade e economia que a Juceg oferecerá aos empreendedores de Goiás;

“Utilizando o sistema integrador, os órgãos de registro, tributários, de licenciamento e prefeituras, no mesmo ambiente virtual, iniciarão sua interação com os empreendedores imediatamente após a constituição da empresa”, disse Rafael.

Por: Governo de Goiás

Use o APP do Contabilidade na TV e mantenha-se informado!
Baixe para iOS.
Baixe para Android.
Baixe em HTML5.

0 comentários: